Marketing Digital

Mudou o Algorítimo do Facebook, e agora? 2018

O algoritmo do Facebook vai priorizar ainda mais os posts relacionados a familiares e amigos, em relação às publicações feita por páginas – o que é ruim para quem só tem Fanpage – A mudança visa diminuir a quantidade de anúncios que aparece no Feed, melhorando a experiência do usuário.

Descubra, a seguir, o que mudou no algoritmo do Facebook e como os donos de páginas corporativas podem se adaptar a esse novo cenário, sem perder o engajamento dos seguidores!
Marketing Digital
Mudança do Facebook para Empreendedores Digitais
Mudou o Algorítimo do Facebook, e agora? 2018

O que vai mudar com a mudança de algorítimo do Facebook?

O site vai realizar uma consulta com os perfis para saber se eles dão permissão à plataforma sobre o uso de informações pessoais, como por exemplo: inclinações políticas, religiosas e status de relacionamento. Além de tornar mais fácil o processo de deletar esses dados caso o usuário não queiram mais compartilhá-los.

Até o ano passado, o Facebook utilizava dados como número de curtidas, comentários e compartilhamentos para definir o posicionamento das páginas nos feeds de notícias.

Mas agora, de acordo com o anúncio feito no dia 11 de janeiro, o Algorítimo do Facebook vai prever quais posts têm mais potencial de interação, com base no comportamento do usuário – e são estes os posts que aparecerão no topo do feed, junto com postagens de amigos e familiares, que também passam a ser priorizados por esse novo algoritmo.

A rede também vai perguntar para todos que estejam na plataforma se concordam com a atualização da Política de Serviços, adicionando mais detalhes e especificações sobre como os serviços da rede funcionam.

Além dessas adições, a política referente a UE ainda acrescentará contatos de responsáveis pelo Facebook dentro do GDPR em caso de situações que poderão acontecer.

 

Leitura Recomendada: Estratégia de marketing no Instagram para vender mais (COMPLETO)

 

Facilidade

Um outro ponto importante de ressaltar é que a plataforma irá facilitar o acesso ao atalho de ‘Ferramentas’ e ‘Configurações’, que promete ser mais intuitivo na hora de consultar, deletar, baixar ou exportar dados disponíveis no site para consulta.

Por último, o Facebook frisou as medidas relativas às crianças e adolescente que utilizam a rede. O reconhecimento facial não é ativado para menores de 18 anos e as opções de publicidade oferecida para essa faixa etária é bem restrita.

Somado a isso, informações como localidade e data de aniversário de usuários jovens são de circulação controlada e os posts compartilhados por eles possui alcance restrito.

O que fazer agora?

O Facebook está mais inteligente e conseguirá decifrar a intenção do seu post. Agora para o Facebook, atitudes como as seguintes terão menor relevância:

  • Curta para participar
  • Compartilhe e concorra
  • Comente e marque um amigo
  • Curtir ou Amei

Conteúdos que geram interações autênticas são as que se assemelham a uma conversa. A Empresa passa um ponto de vista, ou realiza uma enquete e os seus seguidores naturalmente respondem ou interagem com a marca.

Portanto, continue investindo em conteúdo de qualidade, o Algorítimo do Facebook vai entregar para o usuário apenas as postagens que são relevantes para ele. Isso significa que você deve continuar investindo em conteúdo de qualidade caso queira aparecer no topo do feed de seus seguidores. Foque seus esforços em temas que são do interesse de seu público e mantenha um relacionamento ativo com quem segue a página. Os conteúdos pouco interessantes ou sem nenhum interesse vão simplesmente desaparecer do Feed.

 

Deixe um comentário com a sua opinião!

Gostou? mostre aos seus amigos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *